Home / Álbuns / Álbum: Malavéi – Malagradecido

Álbum: Malavéi – Malagradecido

12042118_911099685641486_716121476_n
Nascido e criado na cidade de fortaleza/CE, Malavéi (Felipe) como é conhecido, teve o primeiro contato com o Rap através de um rádio velho em sua casa tocando Racionais Mc´s. Ouvindo e curtindo as músicas, surgiu interesse em conhecer e entender mais sobre o que era a cultura Hip Hop. O estilo rimado e a proposta das letras atraíram sua atenção sobre a sociedade, evolução e a complexidade da vida. Grupos como RZO, Quinto Andar e rappers como Sabotage, KRSone, Big L, MF Doom, J Dilla, entre outros; fizeram parte de sua construção musical, cultural e ideológica.

Em uma convenção de Rap na Praça do Ferreira em Fortaleza sentiu a necessidade de escrever e expressar suas ideias. Essa experiência foi uma janela para o conhecimento, expressão e liberdade que a poesia contém. Em 2009 iniciou um grupo de Rap chamado MC’S do Beco, com os integrantes Plock (Caio)e 13D (Cézar). No ano de 2011 foi morar em São Paulo para acompanhar o crescimento de sua filha Alice e continuou conciliando seu propósito com a música. Vivendo em Osasco-SP passou alguns anos escrevendo. Com as dificuldades de viver sozinho nessa cidade, o disco foi finalizado e lançado somente no segundo semestre de 2015.

O álbum “Malagradecido” contém 13 faixas. O disco vem com toda essência do Rap Underground e com referências musicais do Jazz, Soul, brega e MPB. Ele conta com a participação especial dos músicos Gato congelado, Wesley Camilo, Rafael Teixeira, Dubob e Iozó. Com os betmarkers Plock, Pizzol, Outspoken e GVBeats e os Djs Makô e Dj Rodrigo. Todos grandes nomes da música underground que contribuíram com seus talentos para a conclusão do disco. Toda a captação, mixagem e masterização das músicas foram feitas pelo Tirolês (DNA de Vagabundo), que abraçou o projeto e consolidou a conclusão do mesmo. As letras são baseadas nos contextos que o atraíram no começo da caminhada. As coisas boas que absorvemos do mundo devem ser agradecidas e tudo que não serve deve ser dispensado. A proposta é abordar temas sobre as dificuldades do dia-dia, o valor das coisas, sonhos, caminhos e visões. Entre outros versos que mostram sua maneira de agradecer ou malagradecer.

Comentários

About Underground Lusófono

HipHop/Rap Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Macau, Moçambique, Portugal,Timor-Leste, São Tome e Principe.

Check Also

Tidal X Som Livre promove show de rap e música eletrônica e gera conteúdo exclusivo (ao Vivo)

Tidal X Som Livre promove show de rap e música eletrônica e gera conteúdo exclusivo (ao Vivo)

Em parceria com a Som Livre, plataforma disponibiliza o conteúdo exclusivo do encontro de Edi …

Caligari lança single "Labirinto" com Rapadura

Caligari lança single “Labirinto” com Rapadura

O rapper brasileiro Caligari lançou nesta sexta-feira (6), o single “Labirinto” com a colaboração do …

ADL ft. Filipe Ret - Criminal

ADL ft. Filipe Ret – Criminal

ADL, um dos maiores grupos promissores da actualidade do panorama rap brasileiro, lançou o single …

MV Bill Feat. Kmila CDD - Haters

MV Bill Feat. Kmila CDD – Haters

MV Bill, um dos maiores ícones do rap brasileiro, lançou o single “Haters” em parceria …

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: