Home / Rap Brasil / Episódio 2 – Guerreiros da Perifa – Fortalecendo a Raiz

Episódio 2 – Guerreiros da Perifa – Fortalecendo a Raiz

Salve irmãos do grupo “ Guerreiros da Perifa ”, satisfação em ter vocês participando do nosso projeto.

U.L – Se apresentem ai irmãos, nome e vulgo pra galera conhecer um pouco de cada um.

R: Toni  Anderson de Souza, vulgo Mc Toni.

Julio Cesar de Souza Pereira, vulgo JC.

Éder Chaves Appel, vulgo Dwedy.

U.L – Conta pros manos e minas de que cidade vocês são, e por que o nome “Guerreiros da Perifa”? Tem alguma história por trás desse nome?

R: Somos de Montenegro, Rs, o nome Guerreiros da Perifa vem de ser um grupo de  rap que tens como características,  relatar a  real, a verdade, e fazer músicas de protesto e ao mesmo tempo passar mensagens positivas, sem preconceito e restrição de crenças, cor e classe.

 

U.L – Quando o grupo teve inicio? A formação de hoje é a mesma desde o começo?

R: O grupo existe há 06 anos, e já passou por outra formação, no primeiro ano do grupo ele era formado por, Valdecir, vulgo Tchuck, Magnos vulgo Pilantra e Mc Toni, depois de um ano o grupo passou por outra formação com a entrada de Jc e saída de Magnus e Tchuck, depois de três anos teve a entrada do Dwedy no grupo que se mantem até hoje na  mesma formação.

 

U.L – Vocês já tem um cd nas ruas né? Conta pra nós como foi o processo pra conseguirem gravar esse cd e qual o nome dele pra galera pesquisar depois?

R: O título do CD se chama Aprocura da Felicidade, encontramos dificuldades no processo de gravação por motivos financeiros, mais com muito suor e dedicação saiu, e teve uma grande repercussão nas comunidades de Montenegro e todo o estado do Rio Grande do Sul.

Hoje já estamos na produção do novo disco que vai se chamar O jogo é Sujo.

 

U.L – Como é a cena do Rap ai na região de vocês? E o que vocês acham do Rap atualmente no Brasil?

R: A cena do Rap em nossa região, e meio fraca, pois não temos determinado apoio e incentivos, que seria preciso para poder divulgar mais e melhor nosso trabalho e assim atingir maior numero de público.

R: Hoje vemos que o  Rap esta passando por mutações, onde as letras já não estão consistente no ideal, e estão virando apologia, e a obsessão pelo dinheiro, isto de uma certa forma prejudica o crescimento e o desenvolvimento  da cultura e seus conceitos.

 

U.L – Quais são as maiores influencias musicais de vocês?

R: Temos como influência, Mv Bill, Realidade Cruel, Sabotagem, Racionais Mcs, Facção Central, 2pac, Bob Marley, Bezerra da Silva, G Unit, wu tang clan, Notorius Big, NItror Di, Piá, Inquérito e outros..

 

U.L – Sonham em fazer uma parceria? Com quem?

R: Diz Jc: Tenho vontade de fazer um som com Mv Bill e Ed Rock.

Diz Dwed: Tenho vontade de fazer uma participação com Gabriel Pensador e Realidade Cruel.

Diz Mc Toni: Tenho vontade de fazer um som com o Branco RP3, e com Eduardo Ex: Facção.

U.L – Estou sabendo que vocês estão gravando o segundo disco de vocês né? Diga um pouco sobre o disco, vai ter participações de quem? Já tem quantos % do cd pronto?

R: O Cd que estamos gravando já tem como pronto 70%, ainda estamos em processo de gravação, o disco será intitulado como O Jogo é Sujo.

Por enquanto não terá participações mas já estamos fazendo alguns contatos para os próximos projetos.

U.L – Onde vocês querem chegar no cenário do Rap Nacional?

R: Queremos expandir nosso trabalho aqui no Brasil e também para o exterior, poder dividir palco com grandes nomes do Rap Nacional e ter o reconhecimento do público.

U.L – Deixem uma mensagem pra quem está lendo, fale um algo que vocês gostariam de falar. O espaço agora é livre pra vocês. Rsrs

R: Primeiramente agradecemos pelo convite para participar da entrevista e queremos mandar a seguinte mensagem, nós Guerreiros da Perifa sempre vamos representar a música Rap em qualquer lugar, pois esta é missão representa e mandar a idéia certa, e levar através da música letras consciente para todas as classes, e a realidade do nosso dia-dia.

Comentários

About Lpe

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: